Atendimento:

9.00 - 18.00

Whatsapp:

21 3005-9186

Ligue:

21 3005-9186

Saiba como declarar seu imposto de renda 2018

Vai ficar mais de 12 meses no exterior? Saiba como declarar seu imposto de renda 2018 – Declaração de saída definitiva do país

Se você está pensando em viajar por pelo menos 12 meses para fora do Brasil, é muito importante lembrar de fazer a sua Declaração de saída definitiva do país.

Esse documento é indispensável para que você não tenha problemas com o Leão.
Ele é o último processo declaratório do Imposto de Renda da Pessoa Física que o cidadão irá fazer antes de ir para o exterior permanentemente. Esse tipo de procedimento pode ser realizado pela internet, o que garante mais comodidade para o contribuinte.

Caso você não apresente esse documento a Receita Federal, você pode vir a sofrer uma série de problemas, como, por exemplo, a bitributação. Além disso, caso você volte para o Brasil, é possível que os órgãos reguladores queiram cobrar tributos pelo seu patrimônio total, e não apenas o adquirido dentro do território nacional.

O que é Declaração de saída definitiva do país?

A Declaração de Saída Definitiva do País, basicamente, é o último documento de declaração que o contribuinte irá entregar a Receita Federal do Brasil. Uma vez que ela seja enviada para o órgão, o cidadão está livre dos tributos aplicados dentro do território nacional.

Ela precisa ser enviada por qualquer brasileiro que vá ficar no exterior por mais de 12 meses. Mesmo quem acabou viajando para ficar alguns dias ou meses, e resolver ficar de vez no outro pais, precisa fazer esse procedimento.

Condições que enquadram alguém como não residente do Brasil

Antes de aprender como fazer a Declaração de Saída Definitiva do País, é muito importante ver se você se enquadra dentro das condições de não residente. São elas:

-Quem não reside no Brasil em caráter permanente;

-Quem não se enquadrar nas condições do Conceito de residente no Brasil;

-Quem se retire permanentemente do país, e que, na data da saída, apresente a Comunicação de Saída Definitiva do País;

-Que, na condição de não residente, ingresse no Brasil para prestar serviços como funcionária de órgão de governo estrangeiro situado no País;

-Que entre no Brasil com visto temporário e que;
Fique até 183 dias, em até doze meses, sendo consecutivos ou não; até o dia anterior ao da obtenção de visto permanente ou de vínculo empregatício, se ocorrida antes de completar 184 dias, consecutivos ou não, de permanência no Brasil, dentro de um período de até doze meses;
Que se ausente do Brasil em caráter temporário, a partir do dia seguinte àquele em que complete doze meses consecutivos de ausência.

Se você se enquadra dentro de qualquer uma das condições acima, é muito importante que você faça a Declaração de Saída Definitiva do País. Assim, será possível evitar problemas com a Receita Federal.

Como fazer a Declaração de Saída Definitiva do País?

Para fazer a Declaração de Saída Definitiva do País, você precisa ter um programa específico da Receita Federal. Para baixa-lo, basta clicar nesse link. Em seguida, basta seguir o passo a passo abaixo.

-O primeiro passo é inicializar o programa. Você deve clicar no ícone que aparecerá na sua área de trabalho.

-Clique na opção “Criar Nova Declaração”

-Caso você já tenha o documento do ano anterior, basta selecionar a alternativa “Importar Declaração”.

-Uma nova janela se abrirá, onde você poderá identificar a pasta na qual está salva a declaração do último ano;

-Caso você não tenha feito, clique na opção “Criar nova sem importar”;

-Uma nova página será aberta, nela, você deverá clicar em Declaração de Saída Definitiva do País;

-Em seguida, digite o seu CPF e seu nome completo;

-Clique no botão “Ok”

-Na próxima página que irá aparecer, você deve clicar na alternativa “Declaração de Saída Definitiva Original” ou Retificadora, se for o caso.

-Preencha as informações do formulário

-Clique em salvar.

Pronto, a sua Declaração de Saída Definitiva do País já está feita. Agora, é necessário enviá-la para a Receita Federal. Para isso, baixe o programa Receitanet e envie o seu documento.

Pronto, agora você já pode viajar tranquilamente, sem medo de acabar tendo problemas com o pagamento de impostos brasileiros.

Prazo para a entrega da Declaração de Saída Definitiva do País

É muito importante ficar atento ao prazo de entrega do documento. No caso de quem pode planejar a viagem, é possível enviar o documento a partir do dia que o cidadão deixou o país até o último dia de fevereiro do ano subsequente.

Já no caso de quem acabou saindo e ficando sem planejamento, o prazo começa a valer no momento que a pessoa completa 12 meses fora do Brasil, até o último dia de fevereiro do ano subsequente.

Vantagens de fazer a Declaração de Saída Definitiva do País

Quem vai viajar para fora do Brasil quer mais é aproveitar a experiencia. Para que você não tenha problemas, é essencial fazer a Declaração de Saída Definitiva do País com antecedência. Isso porque, isso te trará uma série de vantagens.

1.Situação regular
Fazendo e declarando esse documento dentro do prazo, você garante que a sua situação continue regular enquanto você tiver fora do país. Assim, caso você retorne, não encontrará problemas com a Receita Federal.

2.Tranquilidade
Ao realizar esse processo com antecedência, você também viaja com mais tranquilidade. Isso porque não é preciso ficar se preocupando com as questões tributárias.

3.Evite cobranças indevidas
Além disso, ao apresentar esse documento a Receita Federal, você evita a bitributação, bem como a cobrança de impostos em cima do patrimônio obtido fora do Brasil. Ou seja, nada de cobranças indevidas.

Fazer a Declaração de Saída Definitiva do País é fácil. Basta se organizar e seguir o passo a passo acima. Assim, você terá uma viagem mais tranquila e sossegada.

Gostou dessas dicas? Então nos siga nas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades. Aproveite e confira também o artigo “Imposto de renda 2018 – Não Caia na Malha fina”.

Compartilhe:

Fechar [x]